Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Estrabucha

Aviso: Este blog é dado à parvoeira e raramente, mas muito raramente, falam-se de assuntos sérios.



Segunda-feira, 06.05.13

A Ana Avoila é uma "senhora"

Há bocado estava a ouvir as noticias na rádio, quando me deparei com as declarações da Ana Avoila, à saída do encontro com o Secretário de Estado da Administração Pública, e ia caindo da cadeira com o susto que apanhei.

Primeiro porque as declarações que foram feitas aos jornalistas foram literalmente gritadas e, depois a linguagem da coordenadora da Frente Comum dos Sindicatos da Função Pública, podia ter sido bem melhor.

Passo a escrever o que a sra. disse, peço desculpa, gritou: "Este Governo está a governar em ditadura" e quer fazer "reuniões a correr para lixar os trabalhadores". Ok, concordo com a ditadura, mas "lixar" os trabalhadores!?!?

Pergunta: Lixar??? Mas que raio de linguagem é esta? Esta sra. está a coordenar sindicatos ou a taberna ali do Zé?

Agora, quanto à medidas. Trabalhar 40 Horas semanais, diminuição dos dias de férias por idade e  por antiguidade e idade da reforma equiparada à dos privados, não acho que lhes caiam as mãozinhas por isso.

Quanto à ADSE, porque raio hei-de eu de pagar, para os srs. que descontam para a ADSE, poderem ir aos hospitais privados? São funcionários públicos, vão aos hospitais públicos, como milhares de portugueses, e também não lhes vão cair as mãozinhas por isso.

O mal comum a muitos portugueses e, estou a referir-me tanto a trabalhadores do público como do privado, é que têm a mania que só têm direitos e que não têm obrigações com as entidades patronais.

Autoria e outros dados (tags, etc)



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

Sigam-me no Facebook

Estrabucha



Podem também estrabuchar aqui

estrebucha@gmail.com


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.