Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Estrabucha

Aviso: Este blog é dado à parvoeira e raramente, mas muito raramente, falam-se de assuntos sérios.



Quarta-feira, 11.03.15

A bestialidade do Sr. ministro grego

O ministro grego da defesa é uma besta. Como as pretensões da Grécia na Europa estão difíceis este Sr. lembrou-se de recorrer às ameaças para tentar levar a bom porto anos e anos de má governação.

Ora o Sr. Kammenos (que realmente de menos tem é cabeça) diz que se o Eurogrupo não aprovar o prolongamento do empréstimo à Grécia, eles (os gregos) passarão documentos legais a todos os imigrantes ilegais que estão neste momento nos centros de acolhimento e detenção gregos, não fazendo qualquer tipo de distinção e ameaçando que entre estes imigrantes ilegais estarão muitos jihadistas dos EI.

E é assim que homens crescidos resolvem os seus problemas.

Autoria e outros dados (tags, etc)


1 estrabucha

De :P a 17.03.2015 às 18:17

 Concordo. Mas hoje venho em missão: divulgar este artigo de um jornal belga: http://www.20minutes.fr/economie/1563175-20150316-hjalmar-schacht-banquier-adolf-hitler-genie
 Deixo aqui um aperitivo - " L’Allemagne est le pays qui a connu le plus fort allègement de sa dette au XXe siècle –il a bénéficié d’une autre réduction conséquente après la Seconde Guerre mondiale (http://www.20minutes.fr/economie/1536887-20150209-grece-raison-reclamer-162-milliards-allemagne-titre-seconde-guerre-mondiale)- et au XXIe siècle, il est celui qui se montre le plus intransigeant pour que les autres pays s’acquittent des leurs…"
Tradução (para o caso de não saber tocar piano :) " A Alemanha é o país que teve o maior alívio de dívida no século XX - beneficiou de mais uma redução consistente depois da 2ª G. Mundial -, e é o mais intransigente em relação ao alívio das dos outros países ..."

estrabuchar o post




Pesquisar

Pesquisar no Blog  

Sigam-me no Facebook

Estrabucha



Podem também estrabuchar aqui

estrebucha@gmail.com


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.