Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Estrabucha

Aviso: Este blog é dado à parvoeira e raramente, mas muito raramente, falam-se de assuntos sérios.


Terça-feira, 04.10.16

Aquela que não tem sorte nenhuma na saúde

É assim que a minha colega nova do trabalho (uma miúda de 25 anos) me trata. E só porque tenho Doença de Crohn e no espaço de um ano:

- tive uma criança prematura

- ao fim de 3 semanas de Mini Estrabucha nascer fui operada ao intestino, do qual cortaram 25 cm

- ao recuperar da cesariana e da operação tive dois desmaios com convulsões

- fiz tac's, ressonâncias magnéticas e uma punção lombar para despistar epilepsia deu tudo negativo

- tomo medicamentos para o Crohn e para a epilepsia 

- tenho um nódulo na tiróide que tem que ser seguido

- constipei-me umas quantas vezes

E como se não bastasse hoje fui ao alergologista porque tenho expectoração, pressão na cabeça, dores no pescoço e dores atrás das orelhas. Conclusão em princípio não é sinusite, mas poderá ser dos nervos. 

Começo a pensar que a miúda até tem razão e já avisei os meus colegas que qualquer dia me passo de vez e que me transformarei em serial killer e corro com todos à paulada!!!!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Quinta-feira, 21.01.16

Vamos começar 2016 em grande

Olá pessoas!

Estou de volta ao fim de quase 1 ano parada e aconteceu tanto, mas tanto!!!!

No inicio de 2015 engravidei e com más experiências com gravidezes anteriores apeteceu-me calar-me, não falar, não festejar... E em vez de ter enjoos, parei de escrever.

Em Abril com 13 semanas perdi sangue e vim para casa com uma gravidez de alto risco. Sei que chorei, gritei, questionei Deus e fiz promessas atrás de promessas.

Mini Estrabucha nasceu no dia 16 de Setembro de 2015, ás 35 semanas, com  45cm e 2,075Kg. Saiu da maternidade com 1.910Kg e a preocupação daquele momento era aumentar de peso.

3 semanas depois de mini estrabucha nascer e graças ao meu Crohn fui internada durante 2 semanas e operada ao intestino, fiquei 25cm mais leve!!! Quando mini estrabucha fez 1 mês eu estava no hospital e não foi nada fácil.

O homem foi viver com baby para casa da minha mãe e à do aumento de peso juntou-se a do cócó. A fulana não deitava nada fora. Parecia uma tipa que eu conheci que não cagava para não gastar dinheiro.

Ainda no hospital e a 1 dia de vir para casa, enquanto tomava banho desmaiei e tive uma convulsão. Foram dar comigo caída dentro da casa de banho, Quando acordei estava deitada na minha cama e nunca tive tanto medo de morrer como naquele momento. Simplesmente não podia morrer, tenho uma pessoa que depende de mim.

Vim para casa e ao fim de uns dias tive mais um desmaio com convulsões. Agora andam a despistar epilpsia. Já fiz ressonâncias magnéticas, TAC's, Electroencefalogramas e ontem uma punção lombar. Para as senhoras que fizeram epidural no parto, uma punção lombar é igual, não doi mais que isso. Os efeitos secundários é que podem ser uma porra. Todos os exames que fiz deram negativo para epilepsia, falta apenas a punção.

A partir de hoje vou tentar vir aqui mais assiduamente, mas é verdade o que dizem (e que eu sempre desdenhei), quem tem bebés não tem tempo para nada, mas nisso falaremos noutro post.

Estou de volta minha gente!!!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Sexta-feira, 19.09.14

Mulheres decorem isto: HOSPITAL AMADORA-SINTRA, PISO 3, CIRURGIA A

Por uma complicação do "meu" Crohn, no sábado passado tive que fazer uma pequena cirurgia.

Quando saí do recobro e fui para a enfermaria (atentem que esta é a parte que interessa) estava lá um enfermeiro que Jesus, Maria, José! Era tão giro e tão bom! Mas mesmo giro e bom e não pensem que eram os efeitos das drogas, que apesar de boas não eram assim tããão boas.

O enfermeiro era mulato (e eu que tenho queda para os morenos) com um corpanzil e uma camisa tão, mas tão apertada que parecia que ia rebentar a qualquer momento. Estão a ver as senhoras que usam camisas abaixo do número indicado e na zona das mamocas o botão fica quase a saltar? Pois, era isto, mas em versão enfermeiro mulato, giro e bom.

Mas senhoras, o que eu gostei mais, foi do rabiosque do senhor. Que rabiosque! Parecia pedra e só dava vontade de lhe dar umas palmadas.

Suspiro!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Quarta-feira, 10.09.14

Lição de Vida. Ou então o meu momento Gustavo não sei quantos do Querido Mudei a Casa

Eu sou a típica portuguesa que quando algo está mal, penso que  podia ser pior.

Por exemplo, tenho Crohn. É mau. Mas era ainda pior se para além do Crohn, tivesse a cara cheia de borbulhas com nhanha, como um adolescente de 16 anos.

Por isso meus amigos, por mais doente e cansada que esteja vou sempre levantar o cú da cadeira, nem que seja para beber um café e fumar um cigarrito.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

Segunda-feira, 01.09.14

Dilemas. A minha vida são só dilemas

Uma das contrariedades do Crohn são os gases. Em dias menos bons, sente-se a barriga a inchar, a inchar, a inchar e uma vontade incontrolável de libertar umas quantas flatulências para nos aliviar o inchaço, o incómodo e a dor.

E o que fazer quando estamos no trabalho?

a. Esperamos até à hora de saída e soltamos tudo o que há para soltar no carro.

b. Vamos á casa de banho e libertamos o gasoso com estrondo e rezamos para que ninguém esteja cá fora a ouvir.

Agora adivinhem lá qual é que eu escolhi (fica uma dica, não foi a que me favorecia mais).

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

Terça-feira, 27.05.14

O bom do Crohn...

... é teres perdido 6 Kg em 3 meses, pesares 55 kg e as tuas pernas parecerem um Shar Pei bébé.

Ah e que tal fazeres exercicio? 

Dá muito trabalho e os Shar Pei bébés são tão fofinhos!!!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

Quinta-feira, 24.04.14

Não há merda que não se me pegue

Como já disse aqui eu tenho doença de Crohn, que é uma doença no aparelho digestivo e que quando estou com uma crise tenho dores (muitas), diarreia (água), vómitos, falta de apetite (toda a comida me enjoa) e consequentemente perca de peso. Depois de uns anos de calma, o meu Crohn voltou a dar sinal e desde Junho do ano passado que tenho estado com crises consecutivas.

O homem tem amigdalites, à razão de uma por ano.

Já estou tão farta disto que a semana passada pedi solidariedade ao homem, eu ficava com o Crohn à mesma, mas na altura das crises ele ficava com elas.

Ontem ganhei a minha primeira amigdalite.

Deus tem um sentido de humor do caralho.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

Segunda-feira, 31.03.14

Peço desculpa pela ausência...

mas o Crohn não me tem dado descanso nestas últimas semanas.

Prometo voltar em breve.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:



Pesquisar

Pesquisar no Blog  

Sigam-me no Facebook

Estrabucha



Podem também estrabuchar aqui

estrebucha@gmail.com


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.