Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Estrabucha

Aviso: Este blog é dado à parvoeira e raramente, mas muito raramente, falam-se de assuntos sérios.


Quinta-feira, 29.06.17

A vida de mãe é um cócó #1

Mini-Estrabucha estava a comer uma ameixa e apeteceu-lhe comer o caroço para ver se era doçinho. Adivinhem a quem calhou o pincel de andar a remexer no cócó a ver o caroço já tinha saído. Pois!!!!

A minha cara a remexer no cócó

O meu marido na cozinha 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Sexta-feira, 05.05.17

Não faz anos, mas só faltam uns dias. Para ti pelo Dia da Mãe (Repost)

A minha mãe faz anos

 

Dizia a Rita Ferro Rodrigues que muitos de nós não conhece a sua mãe. A minha mãe faz um excelente bacalhau com natas, mas é isso que a define? Um bacalhau? Exemplificava ela.

Lembro-me que quando era mais nova, pensar sempre que as mães dos outros é que eram fixes, porque os deixavam fazer tudo e a minha não. Santa ignorância. Mãe não é a melhor amiga é mãe!

Mãe é aquela que te educa, que te ralha, que te bate, que te dá colo e que sabe sempre, mas sempre do que precisas ou quando tens alguma coisa. E a minha não é excepção.

Ensinou-me a ter respeito pelos outros, a partilhar, a não ser invejosa mas especialmente ensinou-me uma coisa que nunca irei esquecer e que tento passá-la ao meu sobrinho e aos meus primos mais novos sempre que posso: Estuda para nunca dependeres de ninguém. 

Quando era nova queria que ela fosse como as outras, mas hoje sou eu que quero ser como ela. Mas nunca, nunca a irei perdoar por nunca me ter ensinado a viver sem ela.

Parabéns Mãe.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

Sigam-me no Facebook

Estrabucha



Podem também estrabuchar aqui

estrebucha@gmail.com


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.